Como criar um deus

Em quase todos os RPGs, quando se pensa em criar um deus ou em fazer a ficha de uma divindade qualquer, imediatamente vem à nossa mente o uso de toneladas de pontos de criação de personagens, trocentos níveis e níveis épicos, poderes e mais poderes, etc, etc, etc… Ou então aquele reducionismo simplista do tipo “um deus pode tudo, ele não precisa ter ficha…” e aí Narradores e jogadores não têm nenhum parâmetro ou referência. Acaba ficando muito pior do que criar um personagem com uma ficha overpower. Então, ao se criar um jogo como EPIFANIA: Deuses em Nós, onde

Ler mais

Mecânicas para a Narrativa se sobrepor ao Sistema de Jogo

O título deste artigo pode parecer meio contraditório por si, mas não é. Embora usar mecânicas de jogo que façam a Narrativa se sobrepor ao Sistema de Jogo soe contraditório, isso é bem coerente a partir do que expomos no artigo anterior, Narrando sem pensar no sistema de jogo, sendo estes dois artigos relacionados ao novo RPG que lançarei este ano, EPIFANIA: Deuses em Nós, um RPG que não usa dados nem nenhum outro fato randômico. Nele existem três mecânicas do sistema de jogo dele que procuram garantir isso: Drama, Destino e a Quebra de Narrativa. Em EPIFANIA, qualquer jogador

Ler mais

Narrando sem pensar no sistema de jogo

O sistema de jogo não pode ser um obstáculo à narrativa no RPG. Ele não pode atrapalhar o andamento da sessão de jogo. Ainda é muito comum no nosso hobby a narração ou o desenrolar de uma cena de combate parar por conta de alguma dúvida ou discussão de regra. O jogo para e isso se torna um verdadeiro anti-clímax. Esse tipo de coisa não deveria acontecer. Muitos designers de RPG já entenderam isso há algum tempo, e por isso os RPGs mais recentes – inclusive as novas edições dos mais tradicionais, como a 5ª Edição de D&D – têm

Ler mais

Quer dizer que o meu personagem é um deus?!

A busca por poder sempre foi intrínseca ao RPG. Embora existam exceções, a maioria dos roleplaying games de mesa reproduz em alguma medida o conceito de experiência ou pontos de experiência como uma maneira de seu personagem ficar mais poderoso. Uma pessoa mais experiente normalmente é uma pessoa mais sábia e vivida, mas no RPG um personagem com mais experiente é mais do que isso: é um personagem com maior poder. Não porque apenas construiu mais conhecimento, mas porque adquiriu mais poder pessoal, maior capacidade de infligir dano aos oponentes. Quero deixar claro que isso não é um juízo de

Ler mais

RPG & Religião

Desde sua concepção, com D&D – Dungeons & Dragons, em 1974, a Religião é elemento bem presente nos Cenários de RPG. Este elemento, visceral de nossa sociedade, foi encontrado de forma vívida nos demais livros deste gênero, como GURPS, Vampiro, Mago, Lobisomem e em todas as versões posteriores do já referido D&D. Obviamente, um assunto tão delicado pode gerar duvidas para quem esta de fora ou começando agora. As religiões e credos no RPG são reais? Jogadores que interpretem personagens religiosos estão se convertendo a tais religiões? Estão abdicando de suas crenças do “mundo real” para, durante o jogo, prestar

Ler mais

Post Mortem: Lobisomem – O Apocalipse e Os Destituídos

Resenhas em geral, são feitas aproveitando-se da novidade. No caso dessa série de artigos, os livros do Novo Mundo das Trevas (nMdT) serão analisados anos após seu lançamento. Afinal, podemos agora comparar melhor os livros sob outra luz, inclusive mais objetiva e justa, em relação ao Antigo Mundo das Trevas (aMdT). Como a série pretende tratar de livro básicos e de linhas de livros que não foram lançadas ainda em português, optei por utilizar uma mistura, dando os nomes em português dos sistemas que já foram traduzidos e em inglês aos que ainda não foram (evitando uma tradução não-oficial). Lobisomem,

Ler mais

Nobilis RPG, 3rd Edition

Há um mundo oculto de espírito que nos rodeia. Dentro desse mundo habitam os Nobilis. Eles são criaturas meio-humanas e meio-divinas. Cada uma possui domínio sobre um conceito simples do mundo. Você já ouviu as histórias e rumores sobre os Nobilis. Você já ouviu falar do destino de quem os encontra. Aqui você vai encontrar um guia para lidar com esses Poderes e os espíritos que os servem. Aqui você vai encontrar a terceira edição do Nobilis RPG – um RPG que não usa dados, completamente atualizado e reescrito para sensibilidades modernas, que você pode usar para contar novas histórias

Ler mais

Rapture: The End of Days, RPG teológico de ficção-científica e horror

O Arrebatamento. O Fim dos Dias… está apenas começando. O ano é 2644. A Humanidade abandonou a religião e migrou para as estrelas. Com a ciência como seu novo salvador, o ser humano acreditou em si mesmo para criar novos Édens nos céus distantes. Mas Deus manteve a sua promessa. O dia do Arrebatamento veio. Aqueles que caminharam sobre a Terra com um espírito justo e alma pura foram levados nos braços amorosos do Senhor. Aqueles que caminharam com o diabo, ignorando as leis divinas de Deus, foram postos de lado para enfrentar os horrores que esperam todos os pecadores.

Ler mais

Vikings: Guerreiros do Norte – Midgard (resenha)

A esta altura é mais do que óbvio o grande refluxo que o mercado brasileiro de RPG deu nos últimos cinco anos, que a RetroPunk Game Design é uma exceção que confirma a regra, e que Dungeons & Dragons 4ª Edição com a sua GSL nunca terá o alcance e a consistência que a OGL da 3ª Edição teve e ainda tem. Contudo, em um mercado que aparenta se resumir a Devir, Jambô, RetroPunk e uma e outra iniciativa independente – com destaque para o Old Dragon, que tem mostrado que quer muito mais do que lançar “livros para os

Ler mais

Física & HQs (I)

Em 2005/2006, Francisco de Assis Nascimento Júnior nos brindou com uma série de artigos geniais, relacionando RPG e Física. O texto a seguir marca a volta dos textos do Francisco, dessa vez saídos diretamente do seu igualmente genial blog Física Pop.  Embora algumas informações do texto abaixo estejam presentes na série Física no RPG ( I e II) esta versão é mais completa e mais direcionada ao universo das HQs.  Divirtam-se, e aprendam! Corre Cotia na casa da tia: o herói mais poderoso da DC Comics! Segurem o fôlego e amarrem bem os cadarços porque hoje nosso blog tentará acompanhar

Ler mais

Lolth, a Rainha Demoníaca das Aranhas

Um reino tempestuoso onde demônios esculpem impérios, o Abismo é o lar de criaturas demoníacas de todos os tipos, incluindo a deusa sombria dos drow, Lolth. Conhecida também como a Rainha Demoníaca das Aranhas, a Mestra das Mentiras e Senhora das Sombras, ela é uma das entidades mais poderosas do Abismo, e hoje apresentamos uma de suas versões mostradas nas páginas do Monster Manual 3 (Manual dos Monstros 3). Das profundezas sombrias do Abismo, ela nutre ódios antigos e planeja a queda dos responsáveis pelo seu exílio. Conhecimento Religião CD 37: Lolth é uma deusa caprichosa. Ela subverte e manipula

Ler mais

Magia Apocalipse do Monster Manual 3

No decorrer das eras, algumas magias de magnitude épica reverberaram através da história. Magias que fornecem poder suficiente para matar deuses, aprisionar primordiais, aniquilar impérios, e criar domínios astrais, deixam para trás parte de sua essência. Na amostra de hoje do Monster Manual 3 (Manual dos Monstros 3), essa essência pode formar uma magia viva, a qual espreita pelo universo e destrói tudo em seu caminho. Algumas dessas magias tornam-se adaptáveis, aprendendo de milênios de experiência e ganhando experiência para conspirar como as criaturas que possuem mente. Conhecimento Arcanismo CD 32: Magias apocalipse são criações espontâneas; cada magia tem motivações

Ler mais

Dark Sun, a versão clássica de AD&D

Ainda na onda do lançamento recente em inglês de Dark Sun para a 4ª Edição de D&D – e aqui no Brasil em um futuro não muito distante, o Arquivo REDERPG deste mês traz uma resenha da versão original do cenário para AD&D. A resenha é do meu compadre Eduardo “Sauron”, ainda da época da antiga Trails RPG e foi (re)publicada na REDE em 7 de maio de 2003. Confiram a seguir! Por Marcelo Telles Coordenador do REDERPG O deserto vos espera! Publicada em 07/05/2003  (871 leituras) Darksun é um mundo muito diferente do AD&D tradicional, fugindo totalmente do conceito

Ler mais

A Fé Zionista

Mui digníssima senhora Régia Princesa Magus Diedre Ladassia, herdeira da antiqua e celeste Rainha Viviane Tudori, vigésima terceira rainha por indicação divina e fundadora do colegiado eclesial de Hiperbória. Venho aqui através desta missiva complementar a carta redigida pelo líder da exploração continental Dirk Loech. A carta anterior que vossa sereníssima alteza leu era pertinente a um dos povos humanos que habitam os impérios continentais. Pois bem, mestre Dirk provavelmente relatou apenas o que ele pode vivenciar e presenciar, mas mesmo assim ele não relatou tudo para vossa sereníssima alteza. Ele se esqueceu de relatar os pequenos detalhes do cotidiano

Ler mais

Um Isaldar Mais Sombrio (Parte 2)

Esta é a segunda parte do artigo com ideias para realçar o “Lado Negro da Força” de sua Campanha de Crônicas da Sétima Lua. Nesta parte final, nós iremos abordar as duas últimas das Cinco Faces do Mal em Isaldar: a Ferida e a Aniquilação. Confiram a seguir… se tiverem coragem! Cthulhu F’tang! E eis que chegamos à Ferida, a Chaga Maldita sobre a Sétima Lua. A prova de que os deuses estão mortos e de que, quebrado o Selo, não haverá mais nada entre o horror cósmico da Aniquilação e os pobres mortais. Apenas para deixar expresso: a inspiração

Ler mais