Como jogar um bom jogo de RPG: Fazendo bons Personagens!

O que faz um jogo de RPG ser bom? Muitos podem dizer: “Ah, a diversão. Se o jogo foi divertido, foi um bom jogo!” Bem, ser divertido é o propósito de qualquer jogo, seja futebol, pique pega, xadrez, buraco, damas, Counter Strike ou League of Legends. Se o jogo foi divertido, ele cumpriu o mínimo necessário para não ser um desperdício de tempo, afinal ninguém quer dispender horas de seu lazer em algo que não seja, pelo menos, divertido. Ser divertido não é o que faz um jogo de RPG ser bom. Sabe aquele filme cujas cenas lembramos por horas,

Ler mais

Física e HQs (VIII)

Francisco Assis, em seu blog Física Pop, nos leva a uma interessante viagem que vai das placas de metal que cobrem o corpo de um dos vilões mais populares do universo Marvel, cuja origem remonta a morta e enterrada guerra fria, ao exoesqueletos que muito em breve estarão ajudando cadeirantes a andar, num clássico exemplo da vida imitando a arte, ou mais especificamente, da ciência imitando as HQs. O Que Está Por Trás da Armadura do Destino? No oceano de discussões infindáveis que permeia as histórias em quadrinhos, há uma pergunta sobre a qual  todas as opiniões (exceto uma) concordam:

Ler mais

Física e HQs (VII)

Francisco Assis, no blog Física Pop, nos leva a analisar Brainiac, um vilão recorrente criado em 1958 por Otto Binder e Al Plastino para os quadrinhos da DC Comics.  Com inúmeras versões (inclusive uma em que é super-herói) e muitas vezes sub-utilizado, seu ponto em comum é o de trazer a tona a discussão da Inteligência Artificial e da convivência entre homem e tecnologia. Uma discussão que é, cada vez mais, atual e relevante. 640 kb de memória não são suficientes para Brainiac! Enquanto a idéia por traz da maioria dos vilões da “Legião do Mal”  no desenho animado dos

Ler mais

Física & HQs (V)

Uma das missões primordiais de um super herói é defender os injustiçados. Mas e se o próprio herói é o injustiçado da vez?  Fancisco Assis, no seu blog Física Pop, defende com barbatanas e guelras o porquê do Aquaman ser muito mais poderoso do que parece… Ele não é nenhum “superman” Gostaria de falar um pouco sobre um dos super-heróis mais injustiçados da DC Comics e tentar esclarecer um pouco do por que ele é (e sempre será) um dos meus personagens favoritos: o Aquaman. Ridicularizado por muitas histórias banais que o tornaram merecedor do título de “limpador de aquários

Ler mais

Física & HQs (IV)

Deixando o Flash para trás (o assunto… o Flash mesmo ia ser difícil deixar para trás), Francisco de Assis em seu blog Física Pop, tratou de um grande super-herói. E nunca a palavra grande foi tão literal. Então fique conosco para se divertir e aprender! O Maior de todos os SuperAmigos (literalmente…) Chefe Apache, segundo o Fábio Yabu, é exemplo de caráter, homem, mito, índio, sinônimo de super-heroísmo! O mais famoso dos Superamigos…OU NÃO! Criado em 1977 para o desenho animado dos “Superamigos” (“Challenge of the SuperFriends”), é apenas um índio da tribo dos Apaches dos dias de hoje, com

Ler mais

Física & HQs (I)

Em 2005/2006, Francisco de Assis Nascimento Júnior nos brindou com uma série de artigos geniais, relacionando RPG e Física. O texto a seguir marca a volta dos textos do Francisco, dessa vez saídos diretamente do seu igualmente genial blog Física Pop.  Embora algumas informações do texto abaixo estejam presentes na série Física no RPG ( I e II) esta versão é mais completa e mais direcionada ao universo das HQs.  Divirtam-se, e aprendam! Corre Cotia na casa da tia: o herói mais poderoso da DC Comics! Segurem o fôlego e amarrem bem os cadarços porque hoje nosso blog tentará acompanhar

Ler mais