Como jogar um bom jogo de RPG: Fazendo bons Personagens!

O que faz um jogo de RPG ser bom? Muitos podem dizer: “Ah, a diversão. Se o jogo foi divertido, foi um bom jogo!” Bem, ser divertido é o propósito de qualquer jogo, seja futebol, pique pega, xadrez, buraco, damas, Counter Strike ou League of Legends. Se o jogo foi divertido, ele cumpriu o mínimo necessário para não ser um desperdício de tempo, afinal ninguém quer dispender horas de seu lazer em algo que não seja, pelo menos, divertido. Ser divertido não é o que faz um jogo de RPG ser bom. Sabe aquele filme cujas cenas lembramos por horas,

Ler mais

Construindo um Personagem com Vida Própria

“Live Action? Nem morta. Eu só jogo mesa. Vê lá se eu vou ter coragem de jogar live. Eu sou tímida, sabia?!” Entre essa frase e eu existem agora cerca de 15 anos… e muitos Lives. Como jogadora e como mestre. E até pouco tempo, quando jogava mesa, eu causava comoção: “Ei, desceu do pedestal?! É mesa, não é live não, viu?!”. Eu virei jogadora de live. E o troco de olhos fechados por qualquer jogo de mesa por melhor que ele seja! Não, eu não deixei de ser tímida, mas descobri que jogar Live não só é um excelente

Ler mais

Arquivo RedeRPG: Unknow Armies (resenha)

Unknow Armies é um RPG de horror transcendental e ação furiosa: Pulp Fiction encontra Hellraiser. Confiram a seguir a resenha da primeira edição do jogo feita por Haroudo Xavier, e publicada no antigo portal em 8 de maio de 2003.   Unknow Armies Unknown Armies foi criado após um mergulho no universo do Pêndulo de Focault, de Umberto Eco. Nesse livro, TUDO que é levado a sério de ocultismo foi explorado de maneira magnífica e exaustiva. Daí os escritores de Unknown Armies viram que este caminho já havia sido traçado e fizeram algo diferente. Por isso, Unknown Armies não é

Ler mais

Criando Personagens com Alma

Ainda na onda da volta da coluna Primeiros Passos, falando sobre as primeiras escolhas ao se criar um personagem, vou resgatar um outro artigo, desta vez escrito pelo Newton “Nitro”, sobre criação de personagens de fantasia medieval: Criando Personagens com Alma! Como o título sugere, ele não apenas dá dicas em como dar vida ao seu personagem, como o artigo também traz uma série de tabelas para ajudar você a desenvolver a história dele. Criando Personagens com Alma! foi publicado em 5 de março de 2004 e vocês podem conferir a seguir: Por Marcelo Telles Coordenador do REDERPG *** Criando

Ler mais

Ômenom, o Dragão Vampírico (multisistema)

“Ariod se debateu inutilmente contra as mandíbulas do dragão. A dor aguda que sentia gradualmente se transformava em torpor. Seus músculos já não mais respondiam à sua vontade de se libertar, apenas tremiam em espasmos involuntários cada vez menos freqüentes. Após alguns segundos tudo estava calmo. Ariod chorava silenciosamente por sua derrota, e implorava aos deuses para que algum dia pudesse se encontrar com sua família na outra vida.” da Saga dos Bravos, tomo de histórias dos gigantes da tempestade A História de Ômenom Ômenom, por centenas de anos, foi um dragão verde comum chamado Gixachuak. Era maligno, curioso, vivia

Ler mais

Experiência e Tesouro

Em muitas histórias de aventuras, uma das partes mais empolgantes é quando um jovem herói adquire treinamento, fica mais hábil e assim pode enfrentar e derrotar o grande vilão. No RPG, esse aprimoramento do personagem é expresso pela Experiência. Ao final de cada sessão de jogo ou de cada aventura, os Personagens dos Jogadores (PJs) recebem Pontos de Experiência (abreviados como XP). Os Pontos de Experiência representam o quanto cada personagem se aprimorou por conta do que vivenciou na aventura: inimigos que derrotou, obstáculos que superou, enigmas que resolveu, boas escolhas que fez, etc. E o principal: uma boa interpretação

Ler mais

Os Orcs de Isaldar

Saudações, aventureiros! É com imensa alegria que retomamos a Coluna C7L, agora uma coluna mensal de suporte para suas campanhas ambientadas no mundo de Isaldar. No último sábado do mês, iremos trazer para vocês mais informações e material de jogo do Crônicas da 7ª Lua. Inaugurando esta nova fase da coluna, trazemos para vocês a descrição detalhada dos orcs de Isaldar. Orcs Os antigos mestres da Sétima Lua são hoje uma pálida sombra de seu glorioso passado. Relegados para a mais maldita e hostil região do continente de Aldar, os orcs são tratados como homens-bestas e caçados por nobres do

Ler mais

Mor Oedis, de C7L (multisistema)

Mor Oedis, Hierofante Profano da Ordem Negra de Ur-Akthar, Rei Obsidiana dos Clãs Drasendhor e regente do Protetorado de Ur-Akthar “Saibam todos aqueles que seguem os passos negros dos abismos e contemplam a dança rubra de Farnax. Escutem todos aqueles que contemplam os ensinamentos proibidos e entoam os cânticos féis… Um Rei há de vir! Um Rei Negro como As Chamas Que Devoraram os Deuses. Um Rei Frio como o brilho de Urásia e Poderoso como a gigantesca Zaman. Um Rei de Obsidiana! Sua Mãe será a Guerra e seu Pai o Oculto e ele sorverá do Sangue de Ur-Akthar

Ler mais

Como Criar Personagens

Na coluna anterior, você aprendeu o básico para começar a jogar RPG e pôde experimentar através da aventura que disponibilizamos para download, junto com o artigo . Este mês, você aprenderá a criar os seus próprios personagens! E também trazemos junto com este artigo uma nova pequena aventura para download gratuito, dando continuidade aos acontecimentos da primeira. Assim como a anterior, ela se passa no cenário de jogo criado para a Primeiros Passos, Aventureiros de Dorten-Zyl, mas pode ser facilmente adaptada para outros mundos de fantasia. Como começar a criar um personagem? A primeira coisa que você precisa para criar

Ler mais

Kassyr, “O Assassino Bastardo” (multisistema)

Descrição: A menos que observado de perto, Kassyr aparenta ser um humano de baixa estatura e de porte atlético (1,60 m; 52 Kg) e é desta forma que gosta de ser encarado. Seus cabelos pretos, desgrenhados e oleosos ocultam parcialmente suas orelhas, cujas pontas foram cortadas de propósito. Os seus olhos são castanho-escuros e permanecem parados a maior parte do tempo, inertes como o olhar de um tubarão. Para negar sua herança e evitar comentários ofensivos que digam a verdade sobre a raça de sua mãe, o rosto de Kassyr mantém-se sujo de turfa ou carvão. Coroando sua aparência repulsiva,

Ler mais

Holler Onda-Negra, Capitão do Devorador (multisistema)

“Eu digo que poucas histórias são tão malditas quanto à de Holler Onda-Negra. Esse filho dos abismos vem assolando os mares conhecidos há anos no comando do Devorador, uma nau de velas rasgadas capaz de se mover sob ventos fantasmas. Holler era um homem de alma tão impiedosa e sombria que teria sido amaldiçoado pelos deuses de forma que nunca pudesse ocultar o verdadeiro demônio que é. Os infelizes que contemplaram sua face e mantiveram os sentidos falam de olhos abissais flamejantes, de fileiras de dentes negros pontudos e de tentáculos pegajosos. Alguns acham que o Onda-Negra só poderia remover

Ler mais