...

«

»

set 07

Dragão Vermelho: Novas estatísticas do Monster Vault

Para aqueles que não têm acesso ao material original em inglês de D&D, nós trazemos a ficha revisada da mais icônica criatura do RPG, publicada no suplemento Monster Vault da linha Essentials . Confiram a seguir, no novo formato das estatísticas de monstros, as novas estatísticas oficiais do dragão vermelho, agora ainda mais difícil de ser dominado ou atordoado.

Se alguma criatura pode reivindicar ser um sábio iluminado, um poderoso tirano e um monstro terrível, este é o dragão. Majestosas e mortais, essas criaturas impõem medo no coração daqueles que caem sob as sombras de suas enormes formas aladas.

DRAGÃO VERMELHO

O tamanho e a majestade dos dragões os transformaram em mito. Antigos como o mundo, dragões são a encarnação viva da lenda. Os mais velhos entre eles possuem conhecimento que excede o que a maioria dos mortais pode ter a esperança de alcançar. Eles detêm os mais profundos segredos do cosmo ao seu alcance. Dragões não são meras bestas prontas para cair vítimas de algum cavaleiro errante ou caçador de tesouros. Eles são sábios, oráculos e profetas; eles são forças da naturesa capazes de destruição e mutilação.

As Cores do Mal: Os mais famosos e mais temidos dragões são parte da linhagem cromática, que inclui os dragões azuis, brancos, negros, verdes e vermelhos. Dragões cromáticos têm uma propensão para o mal e a crueldade. Eles vivem para exercer seu domínio sobre as outras criaturas através do terror e da violência.

Mesmo entre os dragões cromáticos, poucos partilham da crueldade dos negros. Um dragão negro não caça pela necessidade de sobrevivência ou para proteger seu território. Ao invés disso, um dragão negro persegue e tortura sua presa por prazer que ele ganha por inspirar medo e causar dor. Dragões negros estão também entre os mais covardes e cautelosos dragões cromáticos. Um dragão negro espera em emboscada ou para atacar sob ocultação. Quando um dragão negro recua, vítimas de seus ataques às vezes confundem esse recuo com uma retirada genuína, não percebendo tarde demais que ele apenas estava se preparando para outro ataque.

Dragões azuis são os mais vaidosos, orgulhosos e arrogantes dentre os dragões cromáticos. Um dragão azul se deleita em afirmar seu poder sobre criaturas inferiores. Um dragão azul combaterá inimigos ou presidirá humanoides simplesmente para exibir sua força. Quando criaturas veneram um dragão azul e respeitam suas reivindicações territoriais, ele pode ser o mais razoável dos dragões cromáticos. Muitos dragões azuis fazem seus covis em áreas onde tempestades são violentas e frequentes. Como resultado, muitos dragões azuis vivem ao longo da costa, onde eles extorquem comida e riqueza daqueles que não têm a força para se colocar contra eles.

Poucos dragões são tão vilipendiados pelos humanoides quanto os astutos e habitantes de florestas dragões verdes. Embora os dragões verdes sejam mais fracos e menos destrutivos que seus parentes cromáticos, eles são mais ardilosos e enganadores. Um dragão verde conta mentiras tão facilmente quanto outras criaturas respiram. Um dragão verde aprecia intriga, preferindo atingir seus objetivos através da malícia e da traição, ao invés do combate.

Os selvagens dragões brancos fazem seus covis nos climas mais frios do mundo, onde eles não pensam muito além de sua próxima refeição e do conteúdo de seus tesouros. Os mais antigos e inteligentes dentre eles podem procurar dominar outras criaturas, somente para se sentir seguro de seu poder e superioridade.

Quando uma lenda ou fábula fala de um dragão que deixou reinos em ruínas, devorou uma donzela virtuosa, ou incinerou heróis valentes, então provavelmente o tema do conto é um dragão vermelho. O mais voraz dos dragões cromáticos, um dragão vermelho consome muito mais do que precisa. Todos os dragões são avarentos, mas o dragão vermelho possui uma cobiça que em muito ultrapassa a dos seus parentes. Ele também é uma criatura vingativa, se prendendo ao menor desrespeito e desferindo uma vingança dez vezes maior por invasões territoriais, roubos e insultos. Dragões vermelhos não são brutos sem cérebro, contudo. Eles são excelentes estrategistas que gastam seu tempo ocioso desenvolvendo táticas e planos de contingência para virtualmente qualquer situação.

Guiados pela Cobiça e pelo Ego: O segredo para entender os dragões cromáticos é compreender sua visão de mundo. Um traço une e informa sua psicologia: a crença de que eles são seres superiores. Dragões de consideram mais poderosos, inteligentes, importantes e dignos de serem dominadores do que qualquer outra criatura mortal. Dragões cromáticos nasceram com esse senso de superioridade, e é a pedra angular de suas personalidades e visões de mundo. Tentar fazer um dragão ser humilde é como tentar convencer o vento a parar de soprar. Para os dragões cromáticos, humanoides são animais, feitos para servirem de presas ou bestas de carga, indignos de respeito ou reconhecimento.

Se uma característica que não a arrogância define os dragões cromáticos, ela é a cobiça. Tesouros de dragões são matérias de lendas – enormes pilhas de outro, jóias reluzentes e itens mágicos, riqueza suficiente para comprar um reino. E ainda assim dragões não tem interesse em comércio, apesar do valor de seus tesouros. Eles acumulam riqueza por nenhuma outra razão do que para tê-lo. O desejo de um dragão cromático de criar um tesouro é uma necessiada psicológica, ou, sem dúvida, um imperativo biológico. A fonte de seu desejo é um mistério, mas provavelmente está em algum lugar do prazer de um dragão em possuir o que os outros não têm.

Covis Perigosos: Uma das coisas que dragões e humanoides têm em comum é o desejo de achar um abrigo permanente. Humanoides querem um lugar que ofereça conforto e um pouco de segurança. Um dragão, com a sua resistência natural, sentidos táteis pobres, e tolerância a condições severas, ao invés escolhe um lar que seja defensável, que tenha múltiplas maneiras de entrar e sair, e que forneça a máxima segurança para o seu tesouro. Dragões cromáticos raramente constroem covis e ao invés disso encontram locais de ocorrência natural que possam acomodá-los. Um dragão azul pode fazer seu covil dentro de uma caverna marinha que esteja ocupada por piratas subservientes. Um dragão vermelho pode reivindicar a caldeira de um vulcão ativo. Após provocar uma guerra, um dragão verde pode habitar uma cidade levada à ruína por suas maquinações.


 

Dragão Vermelho Ancião _________________________ Soldado Solitário Nível 22
Animal Mágico Natural (Enorme – Dragão) __________________________ 20.750 XP
PV 832; Sangrando 416 Iniciativa +18 

CA 38; Fortitude 36, Reflexos 33, Vontade 32 Percepção +19

Deslocamento 8, voo 10 Visão no Escuro

Resistência 20 vs. Flamejante

Testes de Resistência +5; Pontos de Ação 2

Aspectos
Ação Restauradora
Sempre que o dragão termina o seu turno, qualquer efeito de pasmar, atordoar e dominação sobre ele é encerrado.
Assalto Instintivo
Com uma iniciativa de 10 ou superior em seu teste de iniciativa, um dragão pode usar sua mordida ou garra com uma ação livre. Se o dragão não puder usar uma ação livre para fazer este ataque devido a um efeito de dominação ou atordoamento, então esse efeito termina ao invés do dragão fazer o ataque.
Ações Padrão
Melee Basic Mordida (flamejante) ♦ Sem Limite
Ataque: Corpo a corpo 3 (uma criatura); +27 vs. CA.
Sucesso: 2d10 + 6 de dano. O alvo é agarrado e sofre 15 de dano flamejante contínuo, ou 25 de dano flamejante contínuo se o dragão estiver sangrando, até que a manobra de agarrar seja encerrada (escapar CD 30).
Melee Garra Sem Limite
Ataque: Corpo a corpo 3 (uma ou duas criatura); +27 vs. CA. Se o dragão atacar somente uma criatura, ele pode fazer este ataque duas vezes contra essa criatura.
Sucesso:
3d10 + 14 de dano, e o dragão agarra o alvo (escapar CD 27) se ele tiver menos do que duas criaturas agarradas).
Ranged Imolar o Inimigo (flamejante) ♦ Recarrega
Ataque: À distância 20 (uma criatura); +25 vs. Reflexos
Sucesso:
4d10 + 7 de dano flamejante, e 20 de dano flamejante contínuo (TR encerra).
Fracasso: Metade do dano, e 10 de dano flamejante contínuo (TR encerra).
Close Sopro (flamejante) ♦ Recarrega
Ataque: Rajada contígua 5 (criaturas dentro da rajada); +25 vs. Reflexos
Sucesso:
4d12 + 17 de dano flamejante.
Fracasso:
Metade do dano.
Ações Desencadeadas
Melee Golpe com a Cauda Sem Limite
Gatilho: Um inimigo deixa um quadrado a até 3 quadrados do dragão.
Ataque (Reação Imediata):
Corpo a corpo 4 (o inimigo em questão); +25 vs. Reflexos.
Sucesso:
2d8 + 4 de dano, e o alvo é derrubado.
Close Sopro Sangrento Encontro
Gatilho: Quando o dragão sangrar pela primeira vez.
Efeito (Ação Livre):
O sopro do dragão recarrega e ele o exala imediatamente.
Perícias Blefe +17, Intuição +18
For 26 (+19) Dex 21 (+16) Sab 17 (+14)
Con 24 (+18) Int 14 (+13) Car 15 (+13)
Tendência
Maligno Idiomas Comum, Dracônico
Tradução: Marcelo Telles
Fonte: http://www.wizards.com/DnD/Article.aspx?x=dnd/4ex/20101025b

***

”O artigo acima é uma tradução com o intuito de divulgação do D&D® 4ª Edição do material disponibilizado gratuitamente no site da Wizards of the Coast , e que é propriedade da Wizard of the Coast LLC e de sua representante oficial no Brasil, a Devir Livraria . Ele foi postado aqui sob a Wizards’ Fan Site Policy . Qualquer discrepância entre os termos aqui usados e os dos livros de D&D® 4ª Edição já lançados ou futuramente lançados em português, prevalecem sempre os termos oficiais estabelecidos pela Devir Livraria .”

Wizards of the Coast , Dungeons & Dragons® and their logos are trademarks of Wizards of the Coast LLC in the United States and other countries. © 2009 Wizards. All Rights Reserved.”

” REDE RPG is not affiliated with, endorsed, sponsored, or specifically approved by Wizards of the Coast LLC. REDE RPG may use the trademarks and other intellectual property of Wizards of the Coast LLC, which is permitted under Wizards’ Fan Site Policy . For example, DUNGEONS & DRAGONS®, D&D®, PLAYER’S HANDBOOK 2®, and DUNGEON MASTER’S GUIDE® are trademark [s] of Wizards of the Coast and D&D® core rules, game mechanics, characters and their distinctive likenesses are the property of the Wizards of the Coast . For more information about Wizards of the Coast or any of Wizards’ trademarks or other intellectual property, please visit their website at (www.wizards.com).”

***

  

Deixe uma resposta

Get plugin http://www.fastemailsender.com