in

Diversão Offline 2017: Será ela a “Gen Con brasileira”?

Uma foto com parte da maravilhosa equipe responsável por esse grandioso evento!

Nos dias 19 e 20 de agosto rolou no Rio de Janeiro o Diversão Offline, a maior feira de jogos analógicos do Brasil e nós da REDERPG fomos até lá conferir as atrações e novidades desse grande evento.

Já na entrada conseguimos sentir o clima que dá nome ao evento: Diversão.

Logo de cara, dezenas de pessoas em diversas mesas ao longo do primeiro andar do Centro de Convenções Sulamérica, jogando uma infinidadede Cards, Boardgames e RPGs. No primeiro andar tínhamos estandes de diversas editoras conceituadas no meio dos jogos analógicos como a New Order, Pensamento Coletivo, Jambô, RetroPunk, Redbox e a clássica Grow, além de uma área reservada do Catarse para apresentação de novos protótipos.

No segundo andar do evento, além de alguns estandes como o da Mitra, especializada em jogos analógicos feitos com madeira, tínhamos o estande da Cogumelo e da Piticas, vendendo camisas e acessórios personalizados maneiríssimos pra galera.

A Magic Store Brasil também marcou presença com um estande super bacana voltado para Magic The Gathering, Pokémon TCG e Battle Scenes, além de realizar um torneio de Magic durante o evento em parceria com a galera do Alpha Legacy RJ. Além disso, havia uma área dedicada a jogadores iniciantes ou que quisessem se iniciar no Magic, onde foram distribuídos decks gratuitos e havia sempre um profissional dedicado a ensinar os novos jogadores. Fomos conferir isso de perto e fomos muito bem atendidos pelo Matheus Ferreira, que demonstrou muita paciência e cortesia na hora de nos ensinar sobre o jogo, além de nos contar sobre sua paixão para com o Magic.

E não só de jogos viveu o Diversão Offline, no segundo andar do evento foi montado um estúdio de tatuagem que estava oferecendo flashs irados pra galera participante com as feras do Ventania Tattoo Studio, Raom Tattoo, Luana Riente e Luiz Oliveira que estavam tatuando a galera ao vivo.

Área Catarse

No primeiro andar do evento, o Catarse reservou uma área especial para novos protótipos de jogos, os quais seriam votados e o vencedor da votação seria contemplado com R$1.000,00 para quando o projeto entrar em financiamento pelo Catarse.

Os jogos participantes tinham os mais variados temas, desde o conflito contra zumbis até uma aventura de crianças dos anos 1990 buscando se tornarem o melhor jogador de videogame do bairro.
O projeto vencedor foi o Sobrevivência na Amazônia, criado pelo game designer Roberto Tostes e ilustrado por Manoela Boianovsky da Costa.

Neste jogo os jogadores/exploradores saltam de paraquedas em pontos diversos da floresta amazônica. Todos tem a missão de chegar ao mesmo ponto de resgate e durante este trajeto podem fazer várias atividades:

– Coletar recursos (água, comida, madeira) para sobreviver;
– Ajudar na preservação da floresta, registrando animais em extinção e ameaças à preservação da floresta;
– Tomar decisões estratégicas (caminhos e escolhas de itens e ações).

O jogo termina quando um dos exploradores consegue chegar ao ponto de resgate, mas o desempenho de cada um (contagem final dos recursos e prêmios obtidos) é que determina o vencedor .

Nós da REDERPG testamos o jogo dentro de uma barraca de camping montada no evento para dar imersão aos jogadores. De cunho educativo, mas ao mesmo tempo divertido e instigante, o jogo flui de forma fácil e incorpora elementos do folclore brasileiro de forma lúdica e com seriedade e respeito às tradições locais. Nota-se que o jogo foi construído em cima de uma extensa pesquisa a respeito da região amazônica, seu povo e sua cultura e todos os problemas ambientais e lendas que cercam a região.

Por fim, concluímos que futuramente este game possa ser uma excelente ferramenta para ser usada em sala de aula para despertar a consciência ambiental dos jovens e ensinar de uma forma inovadora sobre nossa cultura.

Palestras

O Diversão Offline também contou com uma rodada de palestras nos dois dias de evento, foram abordados diversos temas como, Pirataria e RPG, o Mercado de RPG e os Financiamentos Coletivos, Ilustração no Mercado de Jogos Analógicos, entre outras.

O que mais chamou a nossa atenção, foi a palestra sobre Representatividade Feminina nos Board Games, que contou com a participação de Aline Costa (Turno Extra), Vanessa (FunBox Editora), Priscila Terra (Board Game Girls) e Patrícia Nate (Lady Lúdica), que discutiram sobre a inserção das mulheres no meio dos jogos analógicos, seja enquanto profissionais ou jogadoras e os desafios que as mulheres enfrentam para conquistar seu espaço num meio ainda tão machista.

Atrações Internacionais

O evento também contou a ilustre presença de François Rouzé e Robert Schwalb, que estiveram nos dois dias do evento dando palestras no Painel Internacional, realizando sessão de autógrafos e narrando seus jogos, o Room 25 e o Shadow of the Demon Lord no estande da editora no evento.

Tivemos a oportunidade de ver de perto Robert Schwalb narrando Shadow of the Demon Lord na mesa de sábado e faltam palavras pra descrever a intensidade, a qualidade e a imersão absurda que ele conseguiu nos transmitir através de sua narrativa. Era como se o jogo tomasse forma e te levasse pra dentro dele, foi uma experiência incrível de diversão e aprendizado.

Galápagos Jogos

A Galápagos Jogos trouxe um mega estande que ocupava uma sala inteira no evento, o acesso era restrito a câmeras e celulares, mas podia ser visitado e apreciado por todos.

Tanta precaução era pelo fato de lá dentro terem demonstrações de jogos que ainda iam ser lançados, como o boardgame de Bloodborne e o novo card game de Lenda dos Cinco Anéis, ambos com uma qualidade incrível, assim como os demais títulos da editora.

Infelizmente não tivemos oportunidade de testá-los, pois havia uma fila de espera em cada mesa para as partida seguintes, mas acompanhamos o desenrolar de algumas partidas e podemos garantir que os jogos são nota 10.

Entrevistas com a galera do Perdidos no Play

A galera do Perdidos no Play também marcou presença no evento assim como outros nomes das streams de RPG do Brasil a fora como Rafael Balbi, Annita “Amedyr” Wright, Pedro Coimbra “Pedroka” (Vertente Geek) e Bruno Silva “Roxo” (Vertente Geek).

Tivemos a oportunidade de entrevistar os mestres Rafael e Márcio do Perdidos no Play e saber mais do que significa o RPG para eles, como eles enxergam o advento do RPG agora como material de entretenimento transmídia e perguntar de onde tiram a inspiração para criação dos seus personagens, onde deram um show de simpatia ao falar desse maravilhoso hobby.

“Vocês podem conferir as entrevistas nos vídeos abaixo (perdoem a qualidade do áudio e os cortes, mas a memória do celular estava no fim e o evento muito agitado)”


 

 

 

 

Balanço sobre o Evento

Ao final desses dois dias de evento podemos dizer que o Diversão Offline foi um evento memorável.

Fizemos amigos, tivemos muita nostalgia, nos divertimos aos baldes, conhecemos novos lançamentos, vimos pessoas dando o melhor de si tanto na área de protótipos quanto os desenvolvedores independentes, como o caso da Rainha Górgona (Valquíria) com seu jogo o Covil da Górgona, o qual tivemos a oportunidade de jogar e se mostrou um promissor boardgame que mistura cartas e tabuleiro num novo conceito de interação e uso de seres mitológicos (Para saber mais sobre o jogo acessem a página do mesmo no facebook: facebook.com/covildagorgona/).

Rimos bastante com o jenga gigante do estande da Mitra, tivemos palestras sobre temas interessantíssimos para quem acompanha e tem interesse em entrar profissionalmente no mundo dos boardgames, assim como a oportunidade de conhecer de perto grandes nomes nacionais e internacionais do meio.

Foi um evento completo, e que deixou um gostinho de quero mais, seja pela oportunidade do contato direto com as editoras, os lançamentos e os ídolos, ou seja por conta de poder reunir uma galera, sentar e se divertir por horas em torno de uma mesa, rindo, brincando e rolando alguns dados.

Mas, afinal, ela é a “Gen Con brasileira”? Com certeza caminha a passos largos para se tornar isso!

Por Iuri Martins
Equipe REDE
RPG

Uma foto com parte da maravilhosa equipe responsável por esse grandioso evento!

Deixe uma resposta

Uma valsa para a REDERPG

Vampire 5th Edition: Disponibilizado o Kit Alpha de playtest!