in , ,

Movin’On: Um jogo narrativo de horror

“Olá, eu quero jogar um jogo”, um jogo narrativo (RPG) de horror em cartas. Corra… para financiá-lo!

Movin’On é um jogo narrativo (RPG) de horror com base em “slashers” clássicos do cinema como Sexta-feira 13, A Hora do Pesadelo e até mesmo Pânico. O jogo tem base na Apocalypse Engine e no Adventure Cards, o que possibilita a criação de um cenário e história durante a sessão de jogo. Jogue para se assustar, para ver o que acontece, e para criar terríveis e instigantes histórias enquanto joga.

O jogo utiliza de um baralho de cartas comum, sendo ele tudo que você precisa para jogar. Nada de fichas, dados, papel, lápis, caneta ou longas preparações. Tudo que você precisa para jogar Movin’On é de duas pessoas, um baralho de cartas comum, o nosso livro de regras e criatividade, maturidade e sagacidade.

Nesta campanha, buscamos viabilizar a produção gráfica e impressão do jogo, bem como possíveis materiais extras para expandir a sua experiência com Movin’On. Neste sentido, buscamos viabilizar a escrita, design, revisão, diagramação, ilustração e impressão de um livro de jogo em formato A5, preto e branco, com uma previsão de 60 páginas e os possíveis materiais extras.

Tudo que você precisa para jogar Movin’On estará no livro básico, no entanto, pretendemos ampliar esta experiência com metas para contos de horror, antagonistas de grupos parceiros e novas propostas de cenário.

O ESTÚDIO
O Historiart é um estúdio de jogos preocupado com a produção de suas narrativas. Sejam histórias sobre nosso passado, sobre um presente imaginado ou sobre um futuro idealizado, nós estamos interessados em propiciar experiências narrativas singulares.

Embarque em aventuras pelo universo e para dentro de si, atravesse florestas apertadas e perigosas, corra pelos corredores de sua casa mal assombrada, vivencie histórias que já estão em suas mentes e corações, mas que você ainda não as deixou voar. Deixe que o mundo conheça as histórias que você tem para contar.

Este é o terceiro jogo do estúdio que já conta com o lançamento de Aventuras Ancestrais pela GameMaker e Conexão através do Dungeonist. Você pode conhecer mais sobre o estúdio a partir de seu site oficial: historiartstudio.wordpress.com

O JOGO
Movin’on é um jogo narrativo em cartas, um jogo de horror e sobrevivência. Neste jogo, os jogadores interpretam um sobrevivente em uma corrida desesperada em busca de uma saída ou solução, do contrário, algo ou alguém terrível o alcançará e o seu próprio grito será a última coisa que ele ouvirá. Perseguindo o sobrevivente está Mundus, aquele que reage a cada movimentação do protagonista. Ele não é apenas um perseguidor, ele é o próprio mundo e seus horrores em todas suas formas e dimensões.

Este é um jogo narrativo inspirado no sub-gênero de filmes Slasher e no Adventure Cards, sistema de jogo do nosso Aventuras Ancestrais. Aqui nós usamos de um baralho comum, por mais que planejemos liberar um baralho personalizado com recursos a mais em versão digital havendo demanda e com metas batidas. Neste jogo você joga para se arrepiar com boas histórias, para tentar sobreviver e para puxar cartas e ver o que acontece adiante, mesmo que seja algo que você não gostaria de descobrir.

Não seria um jogo narrativo de horror sem recursos para gerar tensão, não é mesmo? Todo o jogo foi desenvolvido para que os jogadores naturalmente sejam conduzidos na criação de uma história de horror no melhor estilo dos clássicos filmes de horror. Tudo isso com uma abordagem simples, fácil de aprender e que te incentivará a experimentar novas propostas para o mesmo jogo.

A dinâmica do jogo é simples: um dos jogadores interpreta MUNDUS, seu papel é controlar o cenário, a comunidade, todo o mundo ao redor e interpretar o perseguidor. Os demais jogadores interpretam o sobrevivente, o protagonista. Definidos os papéis, o ciclo de horror começa!

Mundus descreve a situação e pergunta “o que o protagonista irá fazer?”. Um jogador cria uma narrativa para movimentar o protagonista no mundo. Esta narrativa o fará puxar cartas. As cartas puxadas definirão um resultado para suas ações. Mundus reage aos resultados com outra narrativa e sempre volta a perguntar, “E agora, o que o protagonista vai fazer?”. O ciclo se repete até que objetivos sejam alcançados ou o que o protagonista seja incapaz de continuar.

Aprofundando a tensão:
Sempre que quiser que o protagonista faça algo, você cria uma narrativa e esta narrativa deve ser guiada por um dos naipes disponíveis. Nada de novo sob o sol, mas a sombra de horror se revela logo a seguir. Não seria um jogo de horror sem uma certa tensão a cada movimento, não é mesmo? Para isso, nossa rodada se apresenta como um relógio em uma noite de pesadelo, em que cada movimento do ponteiro ecoa pela sala de estar e diminui a distância entre os ponteiros que quase marcam meia noite. Em Movin’On, o jogo diminui sua sorte a cada jogada até que você faça tudo que pode ser feito e respire um pouco de sorte mais uma vez. Em Movin’On, você começa a rodada podendo puxar quatro cartas, mas no final, você puxará apenas uma. Reze para que você não esteja ferido e não possa puxar carta alguma, pois se isso acontecer, você não terá para onde correr.

Objetivos macabros:
Não importa o que você faça, todos os caminhos levam para histórias de horror. O protagonista deve cumprir objetivos. Alcançá-los é a única forma de tentar sobreviver. Eles levarão o protagonista a fazer coisas absurdas, cenas em que talvez ele não se orgulhe, cenas em que você quase possa ouvir espectadores gritando para ele não fazer aquilo, como em um verdadeiro filme de horror, mas não se preocupe, não o julgue, apenas siga o movendo, siga em frente em Movin’On. Acredite, os objetivos irão moldar a história muito mais que seu início. Por esta razão, sinta-se livre para criar algo rápido ou cheio de interpretação, com uma longa descrição ou apenas um perigo batendo a porta, desde que Mundus se movimente pelas cenas, ninguém estará a salvo.

Para garantir o seu exemplar, basta ir no link a seguir. Confira também o vídeo promocional do jogo:

catarse.me/movinon

 

 

Fanpage da Historiart no Facebook: facebook.com/groups/historiart

 

Deixe uma resposta

A novela acabou: D&D 5ª Edição será lançado em português!

É OFICIAL: D&D 5ª EDIÇÃO EM PORTUGUÊS PELA GALÁPAGOS!